Instituto Politécnico de Viseu – Escola Superior de Saúde (ESSV)

Introdução

A Escola Superior de Saúde de Viseu (ESSV) é uma Instituição de Ensino Superior Público integrada no Instituto Politécnico de Viseu, dotada de personalidade jurídica e de autonomia administrativa, financeira, científica e pedagógica e a sua organização e gestão rege-se pela Lei n.º 54/90, de 05 de Setembro, com algumas especificidades decorrentes do Decreto-Lei n.º 205/95, de 08 de Agosto. A ESSV, criada pela Portaria nº 216/2005 de 24 de Fevereiro, é herdeira da antiga Escola de Enfermagem de Viseu criada em 1971 pela Portaria n.º 228/71 de 01 de Maio, reconvertida em Escola Superior de Enfermagem de Viseu pela Portaria n.º 821/89, de 15 de Setembro após a integração do ensino de enfermagem no sistema educativo nacional ao nível do ensino superior politécnico, como resultado da publicação do Decreto-Lei n.º 480/88, de 23 de Dezembro.A Escola rege-se pelos Estatutos aprovados pelo Despacho Normativo n.º 52/99, que contemplava a tutela conjunta dos Ministérios da Educação e da Saúde, publicado em Diário da República, I Série - B, n.º 257, de 04 de Novembro de 1999. Na sequência da Resolução do Conselho de Ministros n.º 140/98, de 04 de Dezembro e da Lei n.º 26/2000, de 23 de Agosto, a Escola transitou para a tutela exclusiva do Ministério da Ciência e do Ensino Superior. Face às alterações do seu enquadramento legal, os Estatutos encontram-se em fase de reformulação. A Escola iniciou a sua actividade em Outubro de 1974 com o Curso de Enfermagem Geral, que funcionou até 1992. Em Abril de 1990 iniciou o Curso Superior de Enfermagem - conferindo o grau de bacharel - aprovado pela Portaria n.º 299/90, de 12 de Abril, mais tarde alterado pela Portaria n.º 357/95, de 24 de Abril. Em Março de 1996, com os Cursos de Estudos Superiores Especializados (CESE) em Enfermagem de Saúde Infantil e Pediátrica e em Enfermagem de Saúde Materna e Obstétrica, aprovados pelas Portaria n.º 1137/95 de 15 de Setembro e Portaria n.º 1126/95 de 14 de Setembro, respectivamente, passou a conferir o grau de licenciado. Em Outubro de 1997 iniciou o CESE em Saúde Comunitária e em Enfermagem de Saúde Mental e Psiquiátrica, aprovados pela Portaria n.º 544/97 e Portaria n.º 545/97, de 23 de Julho.Posteriormente, com a publicação do Decreto-Lei n.º 353/99, de 03 de Setembro foram fixadas as regras gerais do ensino de enfermagem no âmbito do ensino superior politécnico: formação geral em enfermagem através de Cursos de Licenciatura unietápica com a duração de 4 anos e formação especializada através de cursos de especialização de pós-licenciatura não conferentes de grau. O mesmo diploma aprovou também duas medidas de transição: O Ano Complementar de Formação para os estudantes que frequentavam à data o curso de bacharelato em enfermagem, aos quais permitiu alcançar a Licenciatura, e criou o Curso de Complemento de Formação o qual permitiu aos enfermeiros com o grau de bacharel o acesso ao grau de licenciado.O Curso de Licenciatura em Enfermagem e o Ano Complementar de Formação foram criados pela Portaria n.º 729/2000, de 05 de Outubro; o Curso de Complemento de Formação foi criado pela Portaria n.º 98/2000, de 22 de Fevereiro. Na ESSV o ano lectivo 2005-2006 foi decisivo para a implementação dos objectivos e da filosofia do Processo de Bolonha. Neste ano, foi reorganizado o plano de Curso de Licenciatura em Enfermagem e elaborado um plano de adequação, tendo por base o Decreto-Lei nº 42/2005 de 22 de Fevereiro, o Decreto-Lei nº 74/2006 de 24 de Março, alterado pelo Decreto-Lei nº 107/2008 de 25 de Junho e o Despacho nº 7287-B/2006 (2ª Série). Assim, nos termos dos artigos 63º e 64º do Decreto-Lei nº 74/2006 de 24 de Março e através do Despacho nº 16043/2006 (2ª série), de 30 de Junho, do Director Geral do Ensino Superior, publicado no Diário da República, 2ª Série, nº 147, de 1 de Agosto de 2006, foi registado com o número R/B-AD-761/2006, a adequação do Curso de Enfermagem ministrado pela Escola Superior de Saúde de Viseu, ao ciclo de estudos adequado ao processo de Bolonha. O Plano de Equivalências ao processo de transição, foi aprovado em reunião de Conselho Científico a 18 de Julho de 2007.Para além destes cursos, a Escola tem realizado cursos de pós graduação, não conferentes de grau académico.

Esta escola oferece programas em:
  • Português

Veja Master » Veja Licenciatura »

Programas

Esta escola também oferece:

Licenciatura

Licenciatura em Enfermagem

campus Tempo integral October 2017 Portugal Viseu

O Curso tem por objectivos assegurar a formação necessária à: Participação na gestão dos serviços, unidades ou estabelecimentos de saúde; [+]

O Curso tem por objectivos assegurar a formação necessária à: Participação na gestão dos serviços, unidades ou estabelecimentos de saúde; Participação na formação de enfermeiros e outros profissionais de saúde; Participação e desenvolvimento da investigação no âmbito das suas competências. A organização do Curso obedece ao estipulado no Regulamento n.º 348/2008 de 1 de Julho, o qual estabelece os princípios reguladores da aplicação do sistema europeu de transferência de créditos (ECTS – European Credit Transfer System) à formação ministrada pelo Instituto Politécnico de Viseu. Duração do Curso: O curso tem a duração de quatro anos lectivos. Cada ano lectivo tem uma duração média de 36 semanas de efectiva leccionação, não incluindo a época de exames e férias. Cada ano lectivo é constituído por uma componente de ensino teórico, teórico/prático e uma componente de ensino clínico (estágio). O curso está organizado em semestres, cada um dos quais contendo 18 semanas de actividades escolares. A carga horária do curso é de 6696 horas, correspondendo a 240 ECTS. A duração do ensino teórico, incluindo a monografia, é de 66,5% da carga horária total, correspondendo a 4.456 horas, destas, 2.265 horas correspondem a trabalho do estudante. A duração do ensino clínico é de 33,5% da carga horária total, correspondendo a 2.240 horas. As férias escolares são estabelecidas de acordo com as orientações gerais do ensino superior, tendo em conta as especificidades inerentes ao ensino de enfermagem. [-]

Master

Mestrado em Enfermagem Comunitária

campus Tempo integral October 2017 Portugal Viseu

O Curso de Mestrado em Enfermagem Comunitária visa: - Assegurar a aquisição de competências científicas, técnicas, humanas e culturais, para que os profissionais sejam capazes de prestar assistência especializada ao indivíduo, família, grupos e comunidade; - Habilitar o enfermeiro para integrar equipas multidisciplinares promotoras de cuidados altamente especializados no âmbito da Enfermagem Comunitária; - Capacitar para o desenvolvimento da investigação na área da Enfermagem Comunitária, contribuindo para a criação de evidências científicas. Pretende ainda a Escola, para além de potenciar o desenvolvimento de boas práticas em contexto de trabalho, preparar enfermeiros que possam atuar na sociedade, que sejam capazes de planear e intervir de acordo com as mudanças sociais e profissionais no futuro e que contribuam para o avanço da profissão. [+]

O Curso de Mestrado em Enfermagem Comunitária visa: - Assegurar a aquisição de competências científicas, técnicas, humanas e culturais, para que os profissionais sejam capazes de prestar assistência especializada ao indivíduo, família, grupos e comunidade; - Habilitar o enfermeiro para integrar equipas multidisciplinares promotoras de cuidados altamente especializados no âmbito da Enfermagem Comunitária; - Capacitar para o desenvolvimento da investigação na área da Enfermagem Comunitária, contribuindo para a criação de evidências científicas. Pretende ainda a Escola, para além de potenciar o desenvolvimento de boas práticas em contexto de trabalho, preparar enfermeiros que possam atuar na sociedade, que sejam capazes de planear e intervir de acordo com as mudanças sociais e profissionais no futuro e que contribuam para o avanço da profissão. O processo de aprendizagem proposto para o Curso assume como requisito prévio a posse de uma licenciatura em Enfermagem e a experiência profissional como Enfermeiro de dois anos, no mínimo. Assim e considerando que os estudantes possuem já as competências estabelecidas para o primeiro nível de formação em Enfermagem, pretende-se que as desenvolvam, aprofundem e investiguem na área de especialização em Enfermagem Comunitária. Com os objetivos deste Mestrado, direcionados para as áreas de especialização em Enfermagem Comunitária, pretendemos que os estudantes ao longo do curso desenvolvam as seguintes competências: - Adquirir saberes e competências científicas, técnicas, humanas e éticas necessárias à prestação de cuidados especializados em Enfermagem Comunitária; - Desenvolver competências relacionais e comunicacionais adequadas a pessoas, grupos e/ou comunidades; - Demonstrar capacidade crítica e reflexiva que lhe permita... [-]

Mestrado em Enfermagem de Saúde Infantil

campus Tempo integral October 2017 Portugal Viseu

O Curso de Mestrado em Enfermagem de Saúde Infantil e Pediatria visa: Assegurar a aquisição de competências que habilitem para a prática de enfermagem especializada em saúde infantil e pediatria; [+]

O Curso de Mestrado em Enfermagem de Saúde Infantil e Pediatria visa: Assegurar a aquisição de competências que habilitem para a prática de enfermagem especializada em saúde infantil e pediatria; Facilitar o desenvolvimento pessoal e profissional dos estudantes que lhes permitam uma aprendizagem ao longo da vida de modo auto-orientado e/ou autónomo; Habilitar o enfermeiro para integrar equipas multidisciplinares no sentido de contribuírem para a promoção do mais elevado nível de saúde da população infantojuvenil e da família; Capacitar para o desenvolvimento da investigação na área da saúde infantil e pediatria, contribuindo para a criação de evidências científicas em enfermagem. Pretende ainda a Escola, para além de potenciar o desenvolvimento de boas práticas em contexto de trabalho, preparar enfermeiros que possam atuar na sociedade, que sejam capazes de intervir e de saber lidar com as mudanças sociais e profissionais no futuro e que contribuam para o avanço da profissão de forma a dar resposta às necessidades da criança, família e comunidade. Os resultados de aprendizagem propostos para o Curso assumem como requisito prévio a posse de uma licenciatura em enfermagem e a experiência profissional como enfermeiro de pelo menos 2 anos. Assim e considerando que os estudantes possuem já as competências estabelecidas para o primeiro nível de formação em enfermagem, pretende-se que as desenvolvam e aprofundem na área de especialização de Saúde Infantil e Pediatria para que o enfermeiro especialista se afirme como um elemento chave na conceção, gestão e supervisão clínica dos cuidados de especial complexidade. Com os objetivos... [-]

Mestrado em Enfermagem de Saúde Materna, Obstetrícia e Ginecologia

campus Tempo integral October 2017 Portugal Viseu

O curso de MESMOG é um curso do 2ºciclo de estudos conducente ao grau de mestre em enfermagem de Saúde Materna Obstetrícia e Ginecologia, contempla um total de 120 créditos e uma duração normal de quatro semestres curriculares de trabalho dos estudantes, cumprindo o disposto no decreto-lei nº74/2006 de 24 de março e na diretiva nº 2005/36/CE, do Parlamento Europeu e do Conselho, de 7 de setembro e transposta para o direito português pela lei 9/2009 de 4 de março. [+]

O curso de MESMOG é um curso do 2ºciclo de estudos conducente ao grau de mestre em enfermagem de Saúde Materna Obstetrícia e Ginecologia, contempla um total de 120 créditos e uma duração normal de quatro semestres curriculares de trabalho dos estudantes, cumprindo o disposto no decreto-lei nº74/2006 de 24 de março e na diretiva nº 2005/36/CE, do Parlamento Europeu e do Conselho, de 7 de setembro e transposta para o direito português pela lei 9/2009 de 4 de março. A estrutura estabelecida garante uma formação ampla e sólida no domínio científico da Enfermagem, bem como nas áreas específicas das Ciências Sociais e do Comportamento. Confere a Pós-Licenciatura de Especialização em Enfermagem de Saúde Materna e Obstetrícia conforme o despacho nº13717/2012 de 23 de outubro. Os 120 créditos encontram-se distribuídos pelas diferentes áreas científicas: Enfermagem Avançada em Saúde Materna Obstetrícia e Ginecologia I - 8 créditos obrigatórios; Gestão e Administração - 5 créditos obrigatórios, Promoção de Saúde da Mulher – 5 créditos obrigatórios, Investigação em Enfermagem – 5 créditos obrigatórios, Comunicação Pessoal e Interpessoal – 5 créditos obrigatórios, Antropologia Cultural – 3 créditos obrigatórios; Enfermagem de Saúde Materna Obstetrícia e Ginecologia II - 12 créditos obrigatórios; Enfermagem de Preparação para o Parto e para a Parentalidade - 2 créditos obrigatórios; Enfermagem de Neonatologia - 2 créditos obrigatórios e pelas unidades curriculares Ensino Clínico I, II e IV, com 5 créditos obrigatórios cada; Ensino Clínico III – Opção – 5 créditos optativos em três áreas alternativas: enfermagem de Neonatologia, Transporte Neonatal... [-]

Mestrado em Enfermagem Médico Cirúrgica

campus Tempo integral October 2017 Portugal Viseu

O Curso de Mestrado em Enfermagem Médico-Cirúrgica visa assegurar a aquisição e/ou o desenvolvimento de competências científicas, técnicas, relacionais, éticas e de investigação para intervir na prestação de cuidados de enfermagem especializados na área clínica de enfermagem médico-cirúrgica. O curso pretende também habilitar os estudantes para integrarem equipas multidisciplinares no sentido de contribuírem para a promoção do mais elevado nível de saúde da população e capacitar para o desenvolvimento da investigação na área da enfermagem médico-cirúrgica, contribuindo para a criação de evidências científicas. Pretende ainda a Escola, para além de potenciar o desenvolvimento de boas práticas em contexto de trabalho, preparar enfermeiros que possam actuar na sociedade, que sejam capazes de intervir e de saber lidar com as mudanças sociais e profissionais no futuro e que contribuam para o avanço da profissão de forma a dar resposta às necessidades do indivíduo, família e comunidade. [+]

O Curso de Mestrado em Enfermagem Médico-Cirúrgica visa assegurar a aquisição e/ou o desenvolvimento de competências científicas, técnicas, relacionais, éticas e de investigação para intervir na prestação de cuidados de enfermagem especializados na área clínica de enfermagem médico-cirúrgica. O curso pretende também habilitar os estudantes para integrarem equipas multidisciplinares no sentido de contribuírem para a promoção do mais elevado nível de saúde da população e capacitar para o desenvolvimento da investigação na área da enfermagem médico-cirúrgica, contribuindo para a criação de evidências científicas. Pretende ainda a Escola, para além de potenciar o desenvolvimento de boas práticas em contexto de trabalho, preparar enfermeiros que possam actuar na sociedade, que sejam capazes de intervir e de saber lidar com as mudanças sociais e profissionais no futuro e que contribuam para o avanço da profissão de forma a dar resposta às necessidades do indivíduo, família e comunidade. Os resultados de aprendizagem propostos para o Curso assumem como requisito prévio a posse de uma licenciatura em enfermagem e a experiência profissional como enfermeiro de pelo menos 2 anos. Assim e considerando que os estudantes possuem já as competências estabelecidas para o primeiro nível de formação em enfermagem, pretende-se que as desenvolvam e aprofundem na área de especialização médico cirúrgica para que o enfermeiro especialista se afirme como um elemento chave na concepção, gestão e supervisão clínica dos cuidados de maior complexidade. Com os objectivos deste mestrado, direccionados para as áreas de especialização em enfermagem médico-cirúrgica, pretendemos que os estudantes ao longo do curso desenvolvam... [-]

Vídeos

Polytechnic Institute of Viseu

Instituto Politécnico de Viseu